29 de jun de 2009

Construção


Caminhamos ao desconhecido porém deste já pudemos sentir se não foi aqui foi lá. Livres da razão dos homens guiados pelo coração Reinando sobre uma só rotação. Hoje somos alguns pedaços para a ponte!

25 de jun de 2009

Certa vez ouvi um chamado


Não de onde vem, sei que sussurra quando a brisa passa, muda as estações mudo a minha face. Acompanho quando o sol nasce mudo conforme a lua, caminho na luz que dela me fornece esta natureza que a dia desperta. É uma intensa energia que aqui e lá se propaga prende-me e preenche-me como a lua cheia. Ouvi seu chamado no canto dos passáros, na roda gigante na fogueira ao seu grito de dor pela natureza que aqueles a tocou. O som pulsa na energia de um coração: Meu coração ao coração na Terra.